segunda-feira, dezembro 11, 2006

...amor é isso!


Imagem de autor desconhecido


Havemos de descansar. Sim. Descansar
Deixar de turbilhão a vida à porta
Como maré só de ida. Devagar
Que o amor se faz paixão, mesmo morta
Quando pára cansada, de madrugada
Por entre gritos e segredos de tudo e nada
Por dentro de mim na saudade de ti
Por certo sem rumo, sem aqui ou ali
Por força da Natureza que em nós se faz
Havemos de descansar. Sim. Mesmo sem paz...

Havemos de nos ver. Sim. De nos ver
Partir da terra à proa nos ventos
Como tempestades de carinho. Nascer
Que a paixão se faz amor, nos momentos
Quando adormece, se esquece
Por entre as noites em que tudo nos aquece
Por dentro da dança que se faz canção
Por certo sem medo, sem compromisso
Por força dos sonhos que nunca temos em vão
Havemos de nos ver. Sim.
Porque amor é isso!



(Poema de Pedro Branco in Das palavras que nos unem)

15 comentários:

  1. A poesia portuguesa poe ser bem elaborada exerce um fascínio a quem a lê.

    Beijos de bala.

    ResponderEliminar
  2. Parabéns. Mais uma excelente escolha. A imagem está sensacional!! É sempre um prazer visitar-te.
    Beijinhos da Anita

    ResponderEliminar
  3. Tens um óptimo gosto poético (não estou a dizer isto por teres escolhido um poema meu...).
    Vou recuar, ler e olhar, esta tua bonita antologia...

    ResponderEliminar
  4. poema precioso. Non coñecía eu este autor. é agradábel descubrir estes poemas na rede

    ResponderEliminar
  5. É um poema muito bonito! O tema do amor é muito usado na poesia e todos tentam defini-lo!Mas o amor é como a poesia- difícil de definir! Só um poeta sente a poesia e só uma pessoa enamorada sente o amor, mas sem conseguir exprimir o que é!

    ResponderEliminar
  6. Adorei!
    Adorei!
    Adorei!
    Fiquei mesmo tocada ao ler o poema!

    Amor é isso...MAs, é tb muito mais!
    Vai além do que as palavras possam descrever!

    *.*

    ResponderEliminar
  7. Como é possível só agora saber deste sítio? Vou já adicioná-lo à minha lista de "Viagens"!

    Um bem haja!

    ResponderEliminar
  8. 'Por força dos sonhos que nunca temos em vão'.
    ____________
    É evidente que na vida há muitos sonhos que são em vão. E continuam sendo sonhos, será que amar é sonhar?!... Em poesia tudo é possível, mas é isso, não passa de poesia.
    Bonita musica de fundo.
    E já agora como estamos na quadra festiva (para alguns), desejo-te FELIZ NATAL e ANO NOVO 2007 muito próspero com a concretização de todos os sonhos.
    Fica bem.
    Manuel

    ResponderEliminar
  9. Esta Poesia Portuguesa vingou bem hein?!! Lindo Blog :-)

    Beijito

    ResponderEliminar
  10. "Por força dos sonhos que nunca temos em vão... O amor se faz paixão; por força dos sonhos... havemos de nos ver"

    Mas que belo poema!... Obrigado pelo teu trabalho, por dedicares o teu tempo a estas pesquisas. Voltarei... para me deliciar

    Desejo-te uma noite feliz e até amanhã...

    Do amigo, "montanheiro"

    ResponderEliminar
  11. Que imagem inspiradora!!! E o poema é um verdadeiro achado!!
    Boas escolhas!!
    Beijão

    ResponderEliminar
  12. Mas que poema tão bonito!! e a imagem é quase surreal; amei cada palavra da poesia,
    beijinhossss
    Madalena

    ResponderEliminar
  13. Amor é tudo isso e menos que nada.

    Um diabólico natal para ti se não nos virmos até lá.

    Abraço

    ResponderEliminar

Caros visitantes e comentadores:

Obrigada pela visita... é importante para cada um dos autores da poesia constante deste blogue que possas levar um pouco deles e deixar um pouco de ti… e nada melhor que as tuas palavras para que eles possam reflectir no significado que as suas palavras deixaram em ti.

E porque esta é uma página que se pretende que seja de Ti para TODOS e vice-versa, não serão permitidos comentários insidiosos ou pouco respeitadores daquilo que aqui se escreve.

Cada um tem direito ao respeito e à dignidade que as suas palavras merecem. Goste-se ou não se goste, o autor tem direito ao respeito da partilha que oferece.

Todos os comentários usurpadores da dignidade dos seus autores são de imediato apagados.

Não são permitidos comentários anónimos.
Cumprimentos,