terça-feira, maio 03, 2016

As palavras

Pintura de Lee Bogle


Das palavras
de algumas palavras
temos de conhecer mais
que seu significado,
temos de lhes sentir o tacto
o gosto, ouvir a voz,
temos de as provar
beber, comer, saborear
mastigar suavemente
e depois com ternura,
as engolir para que permaneçam
guardadas em nós.

Amor! O que é amor
se não for vivido!

in “Jardim de Afectos”,
a págs 26

4 comentários:

Manuel Pintor disse...

No âmago das palavras há sempre a ternura de quem ama. Assim vividas, assim também vivificadas.

Graça Pires disse...

Qualquer palavra perde o sentido se não fizer parte de uma vivência. Gostei muito do poema.
Um beijo, minha amiga, MM

Juvenal Nunes disse...


As palavras expressam a correspondência do afeto que liga dois seres. Se essa interação não conduzir à expressão da sua vivência, tudo não passará do plano do platonismo.

Juvenal Nunes

Diego Maudonato disse...

Palavras sempre expressa o que no peito não se estabelece! recomendo a leitura desde poema ( link : http://palavrasdecertosdilemasoficial.blogspot.com.br/2016/04/escolhas.html ); constituído por uma leitura simples; mais é mesclados por um sentindo enigmático.
Parabéns pela a página e as palavras nela compartilhadas.