segunda-feira, abril 10, 2006

Esta magia é redonda...


Óleo sobre tela de Nela Vicente


Esta magia é redonda
como aquela aguarela ali adiante que salpica de verniz açucarado
o albergue de mil folhas de cetim.
É azulada como a saia do pastor. Não tem segredo nenhum.

Esta magia vem do fundo do mar
E traz com ela a sapiência do valor.

Revela a ilustração absurda,
A limpidez da travessia,
O escuro do luar.

Esta magia vem do fundo do mar.

Cheira a jasmim, rosas e bergamota.
Faz-me corar.
Empalideço quando a escuto,

Reconheço que tem razão: é fruto da minha imaginação!

(Poema da Azul)

19 comentários:

Passeando no Parque disse...

Um conjunto fabuloso de cor palavras e magia que mexem com a gente. Estes passeios por aqui me fazem muito bem.
Beijussss

DE PROPOSITO disse...

Olá A magia das palavras nesta linda poesia. Bjs

jorgesteves disse...

A pintura, o poema, a musica derramada nas teclas do piano, essa escolha (porventura cheira a jasmim ou rosas...) é um deleite para a minha imaginação!
jorgesteves

des-encantos disse...

....gosto sim... de poesia!!!
gosto de 'encantos'
continua. virei + vezes.

Su disse...

belas palavras, gostei dessa magia


jocas

Su disse...

belas palavras, gostei dessa magia


jocas

Manel do Montado disse...

Sublime a leitura do que é sublimemente bem escrito, adoçado com um dedilhar de piano maravilhoso e a cor composta do óleo...Ele há momentos únicos, inimagináveis, simples e grandiosos de belos e efémeros que também sabem no palato dos sentidos.
Que belo fim de tarde.
Beijo

aprendiz de viajante disse...

lindo, lindo, lindo...

Adoro estes bocadinhos que passo aqui!

Era uma vez um Girassol disse...

Muito bonito, o poema da Azul!
Aprecio muito o facto de divulgares aqui a boa poesia que se faz nos blogues e que escolhes com critério e cuidado.
O quadro é uma beleza e a música de sonho....
Bjinho

Thiago Forrest Gump disse...

O fundo do mar traz a magia mas também os mistérios. :)


Boa semana a ti!

≈♥ Nadir ♥≈ disse...

Muito bonito
Bjx e boa semana

Delfim Peixoto disse...

Como sabe bem vir aqui e ir com uma nova esperança...
Bjs

Diogo Ribeiro disse...

Um labirinto de palavras no qual dá prazer perdermo-nos.

Obrigado pela visita ao meu blogue; adicionei o teu à minha listagem, espero que não haja incoveniente nisso.

Cumprimentos!

FZ disse...

Olá Poesia. Vim visitar-te para te conhecer e retribuir o comentário deixado no meu sofázito electrónico (obrigado).

Vou voltar.

romero disse...

Sencillo y encantador !!

Besito :)

lena disse...

envolvi-me nesta magia, deixei-me encantar como sempre pelo mar e pelo prazer de ler

um enquadramento maravilhoso entre o poema e a imagem que me deliciaram

parabéns por esta oportunidade que nos dás em conhecer mais e tão bela poesia desde “mundo” da blosfera


beijinhos muitos para ti

lena

TMara disse...

e perante uma magia assim sorrio e em simultâneo sinto uma pontada de dor.
Bjoca. Luz e paz em teu caminho.

Anónimo disse...

São poemas lindos. Um leque de palavras lindas,palavras de esperança, de fulgor e de uma nova resurgência. Tudo parece ser um jardim de ídeas frescas ,um campo onde se semea ídeas novas.
Telesforo
telef@rediffmail.com

Anónimo disse...

entrei por acaso, e há acasos que nos levam onde queriamos ir e não sabiamos como chegar, ADOREI