segunda-feira, abril 03, 2006

Oferenda...


"The Offering" by Joop Frohwein


Dei-te meu corpo de lua
E desejos de viagem
Fiz a noite sempre tua
Dei-te meu corpo de lua
Dei-te o barco e a coragem...

Dei-te o mar da existência
E uma vida de aventura
Do sol a incandescência
E a mim, presente-ausência
Da saudade que tortura...

Dei-te meu corpo de bruma
Nos brocados do anil
Aragem, coisa nenhuma
Dei-te meu corpo de bruma
Nas alvoradas de Abril!...

(Poema Abril de Maria Mamede aqui)

12 comentários:

  1. Olá minha Menina tão marota, como vais?
    Vim dar uma volta pelos teus jardins e deparei-me com um poema meu...
    Obrigada. Foi grata a suspresa.

    Beijos

    Maria mamede

    ResponderEliminar
  2. Acho esta musica mesmo fantastica para este poema e, sempre com uma imagem condizente. Está o máximo esto aqui.Beijoca pra ti.

    ResponderEliminar
  3. Também não te visito o quanto deveria. Agradeço as tuas palavras nas minhas romãs, que o Fernando agradecerá quando puder. Beijos.

    ResponderEliminar
  4. Este é um dos lugares onde venho ler e ouvir música para me sentir bem...
    Hoje está especialmente bonito!
    Bjinho

    ResponderEliminar
  5. Um belo poema de Maria Mamede! Um belo quadro a emoldurar o poema. A música perfeita para uma 'alvorada de Abril'. A mistura foi feita com uma primaveril sensibilidade...
    jorgeesteves
    http://www.contextualidades.blogspot.com/

    ResponderEliminar
  6. ENCONTRO DE BLOGS EM ALVITO NO PRÓXIMO DIA 22 DE ABRIL .

    PROGRAMA

    10h30 - POSTO DE TURISMO
    Recepção aos Participantes

    11h00 - AUDITÓRIO CENTRO CULTURAL
    -HOMENAGEM A RAÚL DE
    CARVALHO-
    -Poeta natural de
    Alvito.
    Intervenção do Escritor
    Antonio Rebordão Navarro

    - CONFERÊNCIA BLOGUISTA
    Temas defendidos pelos
    seguintes oradores:-

    -Luis Lança Silva -
    (TV ALENTEJO)
    -João Espinho-
    (PRAÇA DA REPÚBLICA EM
    BEJA)

    13h00 - QUINTA DOS PRAZERES
    Almoço regional

    15h30 - Passeio guiado pelo
    Concelho de Alvito

    17h30 - Visita à Sede do Grupo
    Coral

    18h00 - Concerto na Igreja Matriz
    (Alunos do Conservatório
    Regional do Baixo Alentejo)

    Valor da refeição 18€ (Dezoito euros) (crianças até 4 anos não pagam, dos 4 aos 10 anos pagam 50%)

    PAGAMENTO: Deverão efectuar o pagamento até ao dia 16 de Abril, através de transferência bancária para a conta com o NIB: 0035 0084 0000 3930 700 26 da Caixa Geral de Depósitos e indicar-nos os dados que lhe são solicitados no formulário que enviamos aquando da sua inscrição .

    -Desculpem a insistência e o espaço roubado mas não queremos que falte informação sobre o ENCONTRO DE BLOGS EM ALVITO A REALIZAR NO PRÓXIMO DIA 22 DE ABRIL .

    As nossas saudações e os nossos agradecimentos

    ResponderEliminar
  7. ... quem entra neste blog ganham outra vida!!! Que paz ...

    Um bjo

    ResponderEliminar
  8. Obrigado por este cantinho ser de sensibilidade e tanto carinho
    jocas da juca

    ResponderEliminar
  9. Paulo Dionísio05 abril, 2006 14:12

    Andava em busca de poesia portuguesa pra um trabalho e parei aqui. Fascinante este blogue. Vou falar nas aulas disto aqui.

    ResponderEliminar
  10. Vim fazer uma visita e digo-lhe já agora que adorei o poema.
    Parabéns a quem o escreveu e a quem partilhou.
    Beijinhos.

    ResponderEliminar
  11. encantei-me com o poema de Maria Mamede, já o tinha lido no cantinho dela, é tealmente um belo poema e consegui respirar Abril nesta mistura perfeita


    sempre belas poesias por aqui

    beijinhos muitos para ti

    lena

    ResponderEliminar

Caros visitantes e comentadores:

Obrigada pela visita... é importante para cada um dos autores da poesia constante deste blogue que possas levar um pouco deles e deixar um pouco de ti… e nada melhor que as tuas palavras para que eles possam reflectir no significado que as suas palavras deixaram em ti.

E porque esta é uma página que se pretende que seja de Ti para TODOS e vice-versa, não serão permitidos comentários insidiosos ou pouco respeitadores daquilo que aqui se escreve.

Cada um tem direito ao respeito e à dignidade que as suas palavras merecem. Goste-se ou não se goste, o autor tem direito ao respeito da partilha que oferece.

Todos os comentários usurpadores da dignidade dos seus autores são de imediato apagados.

Não são permitidos comentários anónimos.
Cumprimentos,