quarta-feira, outubro 25, 2006

Plantador de sonhos...


Imagem daqui



No teatro da vida, solitário,
Unicamente em sintonia com a fantasia,
Fui o artista que gerou imagens
Para consolo de ânsias sem fim.

Fui aquele que criou
formas de vida pelo sentimento,
O génio insano que idealizou amores
Para amparo, sustento da esperança.

Louco alquimista dos mistérios,
Tradutor de desejos
E ensaísta da volúpia eterna.

Fui plantador de sonhos...

(Poema de Louco de Lisboa in In§†an†e§ ðe µm £oµ¢o)

22 comentários:

  1. Lindo - LINDO!

    Não tenho outra palavra.

    Este poema do "Louco de Lisboa"

    Parabéns à "Poesia Portuguesa" e também ao "Louco de Lisboa"

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  2. Genial! Eu também sou um plantador de sonhos!!!
    Cpmtos do J. N.

    ResponderEliminar
  3. tout simplement "sublime" merci !!!

    ps: j'ai associé le poeme a une video sur mon blog, cordialement.

    ResponderEliminar
  4. Olá, bom dia, boa tarde ou boa noite...
    Sim, já tinha vindo aqui "ver-me".
    Claro que gostei, claro que não me importo... já fui espreitar também o outro blog, hoje é só passear-me pela blogoesfera.
    Apetece-me dizer que têm bom gosto, muito bom gosto, mas vou-me conter e não o digo.
    Bem, vou-me despedir.

    Kiss, até outro instante.
    Estou-te grato pela atenção que me dispensaste.

    ResponderEliminar
  5. Olá,

    Lindo-Maravilhoso

    Amei!

    Beijinhos

    Isa

    ResponderEliminar
  6. Louquissimo!!!!!

    :-)))))

    Nita

    ResponderEliminar
  7. O poema tem uma riqueza interior muito genuína e os acessórios vêm demonstrar que a tua selecção e divulgação da poesia foi um triunfo

    O sonho tem o poder de comunicar
    poder partilhá-lo é uma vitória
    viver, experienciar dá-nos glória
    porque o ideal é sempre participar.

    É belo o amanhecer e sonhar
    crescer, conviver e madurar
    produzir, construir e lutar
    a beleza da vida é compreensível à luz do luar.

    ResponderEliminar
  8. Muito bom este “Louco de Lisboa”… Alimenta a divagação com sentido.
    .
    PS: Sim, sim, consegui abrir e ouvir o mp3 (relacionado com o teu comment no meu blog). Abriu logo após ter deixado o meu comment aqui no outro dia.

    ResponderEliminar
  9. De plantador de sonhos e de louco todos temos um pouco. Obrigada por nos teres oferecido os teus sentimentos.

    ResponderEliminar
  10. Há que sonhar sempre e transformar o sonho em vida.
    Muito bonito.

    ResponderEliminar
  11. :) tens dedo pa escolher poesia :) mt bonito, ha sempre a esperanca de o sonho mudar algo, pelo menos da o desejo de mudanca :)

    ResponderEliminar
  12. muito bem. excelente plantador de sonhos...

    ResponderEliminar
  13. Boa escolha! Fui espreitar o blog do "louco" e realmente tem mto para ver e ler que nos proporciona momentos de prazer.
    Bjs
    TD

    ResponderEliminar
  14. Agora espera que floresçam! :-)

    ResponderEliminar
  15. O tempo passa, a vida esmorece, mas…

    No compasso lento das horas
    Numa corrida contra o tempo
    Marco presença mesmo
    Que seja só para desejar
    BOM FIM DE SEMANA!!!

    Beijos
    Nadir

    ResponderEliminar
  16. Olá
    este poema é enriquecedor, belissimo.

    Bjhs e bom fds

    ResponderEliminar
  17. A blogosfera é um mundo que partilhamos com objectivos marcados e sólidos, e que nos entra pela casa dentro.Neste blogue entro para a sala como convidado bem recebido e assisto, satisfeito e prazenteiro ao quanto de bom e belo se faz, sobretudo aqui, com este belo poema. Ao despedi-me satisfeito desejo bom fim-de-semana.

    ResponderEliminar
  18. Lindo poema, Louco de Lisboa.
    Plantaste aqui, no nada onde vivo, mais um sonho.
    Um beijinho pelo sonho.
    Outro para a Poesia que tantos momentos bonitos aqui revela.

    ResponderEliminar
  19. Bem este poema nada tem de "louco"... feliz daquele que consegue plantar sonhos... até porque eles comandam a vida.

    ResponderEliminar
  20. [[[Louco alquimista dos mistérios,
    Tradutor de desejos
    E ensaísta da volúpia eterna.

    Fui plantador de sonhos...]]]

    continua a sê-lo... sempre!!!

    Leila

    ResponderEliminar
  21. "Louco alquimista dos mistérios,
    Tradutor de desejos
    E ensaísta da volúpia eterna.

    Fui plantador de sonhos"
    *******************************BELISSIMO, SIMPLESMENTE!

    Alias, tenho AQUI* muito e muito que LER!!!!!!

    Quero, antes do mais AGRADECER SUA PRESENCA E PALAVRAS EM MEU BLOG_Heloisa conversando com as Palavras_!!!
    GRATISSIMA!
    E...fica-me o desejo que AQUI VOLTAR*!!!!
    Abraco Amigo.
    Heloisa B.P.
    ****************

    ResponderEliminar
  22. Para este já tive que parar a música. É outro estilo...
    Mas também muito giro. Ainda deixo de ir a livrarias e à estante e quando quizer poesia, dedico-me só a passear pela blogosfera, nomeadamente, por aqui ^^

    ResponderEliminar

Caros visitantes e comentadores:

Obrigada pela visita... é importante para cada um dos autores da poesia constante deste blogue que possas levar um pouco deles e deixar um pouco de ti… e nada melhor que as tuas palavras para que eles possam reflectir no significado que as suas palavras deixaram em ti.

E porque esta é uma página que se pretende que seja de Ti para TODOS e vice-versa, não serão permitidos comentários insidiosos ou pouco respeitadores daquilo que aqui se escreve.

Cada um tem direito ao respeito e à dignidade que as suas palavras merecem. Goste-se ou não se goste, o autor tem direito ao respeito da partilha que oferece.

Todos os comentários usurpadores da dignidade dos seus autores são de imediato apagados.

Não são permitidos comentários anónimos.
Cumprimentos,