sexta-feira, março 02, 2007

Hoje não há Poesia...

Junto-me aos que procuram o CHIP, a ÍSIS e a NUT pertencentes a Teresa Durães do Blogue Voando por aí


Chip


Nut


Isis


Desapareceram segunda-feira (19 de Fevereiro) passada entre as 17h30/18 e as 19hH00 do Montijo, um Cocker Spaniel dourado (2 anos), Pastora Belga Malinois (2 anos), Pastora Alemã arraçada de Husky.

Tanto a pastora belga como a arraçada pastora alemã têm chip. O canil do Montijo já foi contactado.

A quem os encontrar ou souber do seu paradeiro, por favor contactar a
Teresa Durães que se encontra profundamente triste com este desaparecimento.

GRATA pela ajuda que possam prestar.

12 comentários:

  1. Que beleza de animais!! Tenho amigos nessa zona, vou perguntar-lhes se os viram; espero sinceramente que apareçam!! fizeste bem em divulgar é sempre uma ajuda. Beijitos do AH :((

    ResponderEliminar
  2. Querida Poesia;

    Obrigada pela divulgação.

    Ando tão angustiada com o assunto, que nem imaginas.

    Como é que desaparecem 3 cães, dois de grande porte, do jardim da casa onde vivem, numa rua onde em cada moradia há cães?

    A Teresa já não sabe mais onde procurar... e eu já não sei mais como ajudar. Mas a esperança mantém-se.

    Um beijinho.
    I.

    ResponderEliminar
  3. só tenho a agradecer. Muito. Quase quinze dias e eu às voltas aqui na zona sempre que posso. Quem tem animais sabe que é um sofrimento enorme. Há ainda o perigp das lutas de cáes que ainda se passam em todo o nosso país. Não que sirvam para tal mas para os treinos. Este foi um dos alertas e mais uns quantos.

    A todos os donos de cães, tenham cuidado. Infelizmente parece que com a crise financeira em Portugal tudo vale.

    Não afirmo que os meus foram roubados mas três cães, sendo dois fêmeas, desaparecem assim.

    Obrigada mais uma vez.

    ResponderEliminar
  4. Perfeitamente justificada esta interrupção. Vou estar atento. São animais adoráveis!

    ResponderEliminar
  5. Que sejam encontrados o mais rápido possivel.
    E por favor quem os encontrar não os maltrate.
    Abraço e bom fim de semana.

    ResponderEliminar
  6. Oxalá apareçam! Perder um animal é quase perder um familiar! Para quem os estima! Boa sorte!

    ResponderEliminar
  7. Faço votos que os lindos cães apareçam...

    Mas é muito estranho o desaparecimento imediato dos três!

    Neste mundo malvado...tudo é possível...

    Já enviei e-mails para pessoas amigas....

    Um obrigada á Poesia Portuguesa pela divulgação do desaparecimento dos cães.
    Nestas ocasiões....todos por um...um por todos!

    Beijinhos da

    Maria

    ResponderEliminar
  8. Hoje não há Poesia...mas há um GRANDE GESTO DE SOLIDARIEDADE que me apraz registar.
    Cmptos do J.N.

    ResponderEliminar
  9. Mesmo sem poesia, há um gesto lindíssimo da tua parte!
    Espero que apareçam... Três ao mesmo tempo? Dá que pensar...

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  10. ... que horror ...
    imagino como estará a dona ...logo três ...

    há dias fugiu-me um dos meus ... e eu quase que fiquei maluca (depois apareceu...)

    como moro para essas bandas vou estar atenta ...

    beijinhos

    ResponderEliminar
  11. os dois últimos telefonemas apontavam para dois sítios completamente diferentes:

    - Recta do Cabo (Companhia das Lezírias N118)- avistado cão/cadela parecida com a pastora belga acompanhado de outros cães no dia 6 de Março

    - Celorico de Bastos (Guarda) Hoje, 13 de Março, cadela com coleira vermelha idêntica a pastora belga, orelha levantada outra não.

    ResponderEliminar

Caros visitantes e comentadores:

Obrigada pela visita... é importante para cada um dos autores da poesia constante deste blogue que possas levar um pouco deles e deixar um pouco de ti… e nada melhor que as tuas palavras para que eles possam reflectir no significado que as suas palavras deixaram em ti.

E porque esta é uma página que se pretende que seja de Ti para TODOS e vice-versa, não serão permitidos comentários insidiosos ou pouco respeitadores daquilo que aqui se escreve.

Cada um tem direito ao respeito e à dignidade que as suas palavras merecem. Goste-se ou não se goste, o autor tem direito ao respeito da partilha que oferece.

Todos os comentários usurpadores da dignidade dos seus autores são de imediato apagados.

Não são permitidos comentários anónimos.
Cumprimentos,