sexta-feira, agosto 18, 2006

O Guerreiro...ou como um gatinho conquistou o Adamastor...



Eis a primeira grande conquista da minha vida,
de armas em punho e refinadas,
– usei o charme, esperteza e olhar estratégico:
lá me aproximei, pé ante pé pelo flanco,
espalhando miadelas narcotizantes de cativação,
tonteando o Adamastor de olhar durão.

Depois de conquistada a pata e dorso,
torturando-o com lambidelas de carícias mortais,
o matulão estava sob meu domínio felpudo,
cravei-o com garras bem afiadas de festas,
subi-o e desci-o com ron-rons de encanto, para seu pesadelo...

A partir daqui está dominada a besta sodomizada...
A partir de agora sei que posso conquistar o mundo!...

(Poema e imagem de Carlos Reis-In_loko-)



BOM FIM DE SEMANA

17 comentários:

  1. Boa noite

    espaço bem estruturado e com boa poesia portuguesa.
    o tema musical desconheço.Quem é a interpetre?

    ResponderEliminar
  2. A iniciativa deste sítio é excelente. Divulgar "bocados" de outros blogues não é para todos, só mesmo os que gostam de espalhar algo - poesia, prosa, etc - de interessante o podem fazer, como vós! Felicito-vos pois! Quanto ao post, muito sinceramente, já nem me lembrava muito bem dele. Gostei bastante de o ler aqui! Abraços.

    ResponderEliminar
  3. Gostei muito deste naco de poesia tão saborosa! Parace um pedido:_Haja paz entrwe as espécies!

    ResponderEliminar
  4. Poderia ensinar o Pink e o Cérebro a dominar o mundo!


    Abraços

    ResponderEliminar
  5. Como poeta modesto e insignificante, mas mais como apreciador de poemas e da poesia, passo a visitar mais vezes este blogue interessante. Poesia, sempre..

    ResponderEliminar
  6. Obrigado por existirem. Confesso que não sou mt dada á escrita, mas chegar aqui e ler, é um calmante para a alma.

    Obrigado mais uma vez

    ResponderEliminar
  7. Engraçado este...conquistar a nossa vida não será já conquistar o mundo?

    Continuação de posts poéticos...

    ResponderEliminar
  8. mais um belo poema, dos poetas de tua afeição. gostei muito...

    ResponderEliminar
  9. Poder estar aqui, ver e ler as tuas propostas - gratas compensações para o final das férias.

    Bjos - boa semana

    ResponderEliminar
  10. e vivam os pequenotes que sabem ser grandes :)

    ResponderEliminar
  11. lindo...doce...delicado...

    ResponderEliminar
  12. Gostei imenso de ver este poema tão bonito aqui! :) Mostra-nos que a vontade e persistência valem mais do que a força ou tamanho :) Um beijo ao Carlos e parabéns ao autor do blog.

    ResponderEliminar

Caros visitantes e comentadores:

Obrigada pela visita... é importante para cada um dos autores da poesia constante deste blogue que possas levar um pouco deles e deixar um pouco de ti… e nada melhor que as tuas palavras para que eles possam reflectir no significado que as suas palavras deixaram em ti.

E porque esta é uma página que se pretende que seja de Ti para TODOS e vice-versa, não serão permitidos comentários insidiosos ou pouco respeitadores daquilo que aqui se escreve.

Cada um tem direito ao respeito e à dignidade que as suas palavras merecem. Goste-se ou não se goste, o autor tem direito ao respeito da partilha que oferece.

Todos os comentários usurpadores da dignidade dos seus autores são de imediato apagados.

Não são permitidos comentários anónimos.
Cumprimentos,