segunda-feira, setembro 25, 2006

Sê tu a palavra... (Um ano depois...)

Um ano… em que iniciei com um poema de Eugénio de Andrade, homenageando assim o grande Homem e Poeta que nos tinha deixado.
É o tempo decorrente entre o início das palavras conjugadas no verbo Existir
É o tempo entre as vossas palavras e o meu carinho por elas, que a cada dia, foi aumentando.
Esta página é vossa. Assim como o meu desejo de vos dar os Parabéns por existirem e permitirem que eu exista…



Imagem de Olga Fonseca


1.
Sê tu a palavra,
branca rosa brava.

2.
Só o desejo é matinal.

3.
Poupar o coração
é permitir à morte
coroar-se de alegria.

4.
Morre
de ter ousado
na água amar o fogo.

5.
Beber-te a sede e partir
- eu sou de tão longe.

6.
Da chama à espada
o caminho é solitário.

7.
Que me quereis,
se me não dais
o que é tão meu?

(Poema de Eugénio de Andrade)


A todos os que gostam de Poesia, permito-me chamar a atenção para as palavras de Luís Gaspar através do Estúdio Raposa – Lugar aos Outros 19 .
Quem estiver interessado em aderir à iniciativa sugerida e nas próprias palavras do Luís seria…“organizar a edição de um livro com a Poesia que anda pela Blogaria”…

Deixo do aqui o desafio…

53 comentários:

wind disse...

Muitos parabéns pelo ano de boa poesia que aqui tens colocado:)
beijos

Sulista disse...

Parabêns a Ti Amiga, por teres este blog! :-)
Continua sempre ;-)

Quanto ao « Estúdio Raposa – Lugar aos Outros», já sbes ná sou dessa 'área' mas gosto de lá ir muita vez ouvir as Vossas poesias e Contos :-)

(agora está lá outra vez outro Conto do Amigo Zétolas)

Abraço e beijinho Grande!

mcorreia disse...

Um grande abraço de parabéns e o meu muito obrigada!
(olha aí esse também meu blog, sim?!)

Anónimo disse...

Os meus Parabéns pela divulgação da nossa Língua.
E pelo objectivo em si.

O meu obrigada.


Que o Sonho nunca morra...e..em frente!

Um forte Abraço,

***maat

agua_quente disse...

Parabéns para ti que tiveste a ideia e a concretizaste, divulgando tantos poetas aqui na blogoesfera. Um beijo especial, hoje.

© Piedade Araújo Sol disse...

PArabéns pelo aniversário,pela iniciativa, pelos poemas, por tudo o que aqui colocas.

Um beijo muito especial...

© Piedade Araújo Sol disse...

PArabéns pelo aniversário,pela iniciativa, pelos poemas, por tudo o que aqui colocas.

Um beijo muito especial...

Anónimo disse...

Muitos parabéns.
O shoshana está "letárgico", mas nasceu o Para lá de...

Como presente de aniversário, deixo-te este poema que recorda um nascimento.

UM GRITO CLARO

Um grito claro
Soou de madrugada.
E rasgou a líquida, lunar morada.

Um grito claro
Calou os gritos
Os silêncios
Os sons
Do mundo inteiro.
Ergueu-se
E foi da tua vida o primeiro.

Um grito claro
De futuro,
Das nove luas
Libertou a estrela.
Do amor,
Adivinhou a estrada
E caminhou.

Beijinhos

marulhares disse...

Mais um beijinhode parabéns
Desta vez do http://para-l.blogspot.com

Anónimo disse...

Já te escrevi, pessoalizando o que sinto em relação ao teu trabalho.
Mérito teu, nessa luta constante de divulgares Novos e Velhos Poetas de Lingua Portuguesa.
Parabéns e muito obrigado.
julio cesar

joão marinheiro disse...

Abraço fraterno e longa vida ás palavras.

contradicoes disse...

Venho agradecer e retribuir a visita e a
publicação dos meus versos em 01-01-2006
neste blog, sentindo-me muito honrado pelo destaque. Nem sempre nos é possível
aperceber quem nos visita ou lê desde que não se disponha a deixar um comentário como agora foi feito.Terei muito gosto a partir de agora acrescentar este aos links dos meus dois blogs, passando por aqui como faço diáriamente noutros blogs amigos. Um abraço do Raul

Aromas Do Mar disse...

Querida Companheira e Amiga, muitos Parabéns por um ano de postagens maravilhosas,obrigada por nos teres mostrado trabalhos tão nobres que de outra forma dificilmente conheceriamos a obra e os autores. Que este seja o primeiro de muitos anos, são os meus mais sinceros desejos.

Um beijo da Lina (Mar Revolto)

mni disse...

Adorei ter descoberto este lugar.Muito bem se está aqui.
Até breve.
Abraço.

Teresa David disse...

Voltei e vim de imediato visitar os blogs que constam no meu como derivações. Como constacto que este blog que tanto gosto faz um aninho só lhe desejo que tenha uma vida longa para nos deliciar a todos.
Fui espreitar o Estúdio Raposa e fiquei bastante agradada.
Bjs
TD

Anónimo disse...

Parabéns, e longa vida ao Poesia Portuguesa!
Um abraço
Soledade
http://nocturnocomgatos.weblog.com.pt

amita disse...

Dizer-te, Parabéns, seria pouco para tanta desprendida dádiva e partilha; por isso te digo Obrigado Poesia por incentivares, com alegria, o Sonho neste País de belíssimos poetas.
Tchim, tchim por este ano cumprido. E venham mais 5....
Bjinhos e uma flor

Emanuel disse...

Embora só agora tenha conhecido este blog (e gostei bastante!), parabéns pelo caminho já percorrido!

Um abraço!

{{coral}} disse...

Agradecendo as palavras no meu blog e deixando os meus parabéns pela passagem do primeiro ano deste muito bom sitio de visita, faço das palavras do grande poeta Eugénio de Andrade, e porque ele é um dos meus poetas preferidos, aqui fica o seguinte poema como canto de palavras...

UM SIMPLES PENSAMENTO

É a música, este romper do escuro.
Vem de longe, certamente doutros dias,
doutros lugares. Talvez tenha sido
a semente de um choupo, o riso
de uma criança, o pulo de um pardal.
Qualquer coisa em que ninguém
sequer reparou, que deixou de ser
para se tornar melodia. Trazida
por um vento pequeno, um sopro,
ou pouco mais para tua alegria.
E agora demora-se, este sol materno,
fica contigo o resto dos dias.
Como o lume, ao chegar o inverno.

Eugénio de Andrade
Os Sulcos da Sede

Sem com muito carinho e por muitos mais anos
{{coral}}

Joe Nunes disse...

Há muito mais de um ano que te leio; é pena não assumires quem és e a forma maravilhosa como tu também escreves. Os teus poemas deveriam figurar aqui em primeiro lugar. Sabes que sou um teu admirador reservado, porque o respeito que por ti tenho, pelo que escreves e por tudo aquilo que queres fazer deste blogue, assim mo exige; mas hoje antes de te dar os parabéns por esta entrega total, teria que te dizer isto, desculpa a minha franqueza.
Parabéns pelo teu trabalho, por seres como és e por todo este manancial que aqui conseguiste juntar.
Cpmtos do J. N.

hjesu disse...

Completamente de acordo com Joe Nunes. Os meus sinceros parabéns e, como já prometi, espero poder ajudar a dar a conhecer as tuas produções. Parabéns também ao Poesia.

Anónimo disse...

Parabéns pelo blog...pelo aniversário...(muitos mais)... e Obrigada!!

Um beijo daqui.

viktor disse...

Um ano depois, a poesia continua. E ainda bem :)))
PARABÉNS!!!
Bjs.

ognid disse...

Parabéns por este primeiro ano de poesias que nos trouxeste. Continua. Um beijo

dulce disse...

Um beijo e um obrigado pela partilha.

Aspásia disse...

Um ano é apenas uma folha
virada no livro da nossa vida...
estou grata por ter sido tua escolha
e ter vindo a esta Terra Prometida.

Parabéns! Continua.

Beijinhos

Afrodite disse...

Sabe bem passar por aqui...

§(~_~)§ beijo da Afrodite
(uma carinha d'anjo num corpo espectacular, com tudo no sítio, muito dentro do prazo, sem aditivos nem silicones)

Anónimo disse...

olás, ehehe parabens :D
q giro, estive a ver a pagina do com o meu poema. tem montes d comentarios, agradaveis.obrigado a tdos. hihihi soube bem :P
jokas
Nadir.

Poemas de amor e dor disse...

Obrigado. Parabéns

O título do teu blog é bastante sugestivo. Poesia Portuguesa é mais um marco importante na divulgação dos poetas desconhecidos.

Um ano na vida de um blog representa muito esforço, muita dedicação, muita entrega.

Pelo meu lado sinto-me grato por fazer parte dos poetas divulgados e congratulo-me com este primeiro aniversário.

Quanto à ideia que tiveram sobre a compilação de poesia é mais uma boa notícia, pois é uma forma de se dar a conhecer que pelos cabos coaxiais a poesia também se canta e encanta.

Saudades

Rogério Simões

M.P. disse...

Bom Dia assim cedinho! MUITOS PARABÉNS por esta actividade que tão bem tens exercido!Que continues por MUITO MAIS! Um OBRIGADA pela atenção que destes e que dás ao meu escrevinhar! :)

AS disse...

Quero agradecer as tuas palavras tão gentis que deixaste no "Outravoz"! Viva a poesia!...

Um abraço

Anónimo disse...

Parabéns a todos os poetas e, especialmente a esta página, seus autores e seus colaboradores.

João Norte.

Paula Raposo disse...

Parabéns por este primeiro ano! Gostaria da presença de todos quantos queiram estar comigo no dia 14 de Outubro, no lançamento do meu 1º livro de Poesia. Beijos.

nobody disse...

Muitos parabéns a um espaço fantástico, de variedade de escrita e diversidade de olhares!
Obrigatório na "Blogaria". :o)

herético disse...

excelente iniciativa de divulgação da poesia portuguesa. parabéns. que nunca as mãos te doam e a vontade te falhe...

gato_escaldado disse...

Parabéns. Tem sido um prazer conhecer aqui alguns Poetas. Ou lembrar outros que andam esquecidos.

beijos

collybry disse...

Meus parabens por este belo trabalho, e hino é poesia, relembrar e dar a conhecer Poetas e Poesia...Voltarei_______________
Meu rasto,
Cõllybry

adesenhar disse...

parabéns poesia

desejo-te muitos posts poéticos pela frente...

:-)

Vasco Pontes disse...

Um ano é tempo nenhum, mas pode ser muito tempo. Parabéns pelo trabalho e obrigado pela inclusão.

Natalie Afonseca disse...

E a poesia portuguesa contunia bela e sentida :))))

Bjs

Angela disse...

Queria dar-te os parabéns pelo primeiro aniversário do teu blog que é um belo local de divulgação de poesia.

Beijinhos

ferrus disse...

Parabéns pelo aniversário. Há iniciativas que merecem destaque, como é a intenção -nobre- de divulgares palavras lusas, sejam elas de forma se apresentem. Boa continuação e um abraço de obrigado!

Scorpshine disse...

Já disse o que tinha a dizer...excepto PARABÉNS!

Camões contorce-se no caixão de alegria!

Eduardo Leal disse...

Parabéns! A ti sobretudo porque criaste um espaço único.
O primeiro poema encaixou que nem uma luva.
Ninguém como Eugénio de Andrade para celebrar as primeiras águas.

Obrigado também por nos visitares e leres n'"A Nossa Pena".

gaivotadaria disse...

Muito obrigada por nos teres presenteado durante um ano com o bom gosto que tens em escolher aqui ou ali palavras sentidas, imagens bem adaptadas, sempre formando conjuntos bonitos e com um grande valor nas mensagens dadas.
Pela minha parte e referindo-me às palavras que eu publiquei no meu blogue quando as senti e que tu tiveste a grande simpatia em trancreve-las o meu também muito obrigado.

Bj

antonior disse...

Parabéns atrasados e um sentido obrigado pelo privilégio de me incluíres neste espaço.

Beijinhos

Nove disse...

Parabéns atrasados.
:)

In Loko disse...

Sem dúvida este teu Blogue faz a diferença. Um ano é muito tempo, tempo que deste para divulgar muitas coisas bonitas. Parabéns então! Abraço.

Diogo Ribeiro disse...

Lamento não ter comentado isto mais cedo... Mais do que dar-te os parabéns queria agradecer teres criado este blogue, porque este espaço é sem dúvida uma referência para muitos de nós na blogosfera.

Abraço, bom fim de semana :)

Anónimo disse...

Parabéns pelo aniversário e pelo blogue, parabéns por preencheres as minhas tardes e por vezes as minhas noites. Nem sempre posso comentar. Estou no hospital e quando posso acedo ao portátil. Gosto muito de poesia. Faço anos no próximo dia 7 de Outubro e sei que vai ser difícil a família vir aqui neste dia, porque é sábado e os meus pais trabalham ambos, mas sei que virão no domingo.
Como prenda vou deixar-te aqui um poema de uma canção que gosto muito. A Carta dos Toranja. conheces? com um beijinho do Diogo Neves


Não falei contigo
com medo que os montes e vales que me achas
caíssem a teus pés...
Acredito e entendo
que a estabilidade lógica
de quem não quer explodir
faça bem ao escudo que és...

Saudade é o ar
que vou sugando e aceitando
como fruto de Verão
nos jardins do teu beijo...
Mas sinto que sabes que sentes também
que num dia maior serás trapézio sem rede
a pairar sobre o mundo
e tudo o que vejo...

É que hoje acordei e lembrei-me
que sou mago feiticeiro
Que a minha bola de cristal é folha de papel
Nela te pinto nua
numa chama minha e tua.

Desconfio que ainda não reparaste
que o teu destino foi inventado
por gira-discos estragados
aos quais te vais moldando...
E todo o teu planeamento estratégico
de sincronização do coração
são leis como paredes e tetos
cujos vidros vais pisando...

Anseio o dia em que acordares
por cima de todos os teus números
raízes quadradas de somas subtraídas
sempre com a mesma solução...
Podias deixar de fazer da vida
um ciclo vicioso
harmonioso do teu gesto mimado
e à palma da tua mão...

É que hoje acordei e lembrei-me
que sou mago feiticeiro
e a minha bola de cristal é folha de papel
Nela te pinto nua
Numa chama minha e tua.


Desculpa se te fiz fogo e noite
sem pedir autorização por escrito
ao sindicato dos Deuses...
mas não fui eu que te escolhi.
Desculpa se te usei
como refúgio dos meus sentidos
pedaço de silêncios perdidos
que voltei a encontrar em ti...

É que hoje acordei e lembrei-me
Que sou mago feiticeiro...

...nela te pinto nua
Numa chama minha e tua.

asminhasbijuterias disse...

ola queria te dar os parabens pelo aniversario do teu blog, e que ele continue por mt tempo com poemas lindissimos que aqui colocas. bj grandes
susi

Áurea disse...

Não podia deixar de fazer uma singela homenagem à Poesia Portuguesa, pelo aniversário deste blog excelente, que transmite tanta beleza através dos seus conteúdos poéticos lindíssimos, repletos de lirismo, sensualidade e muito mais... assim como os parabéns pela divulgação de poesia inédita e de grande qualidade!
Votos de um auspicioso futuro! :)
Um abraço

Anónimo disse...

Chegada de férias e com um bloqueio no pc, não conseguindo entrar através do meu bloguito, não posso deixar de te felicitar por este trabalho meritório.
Não consigui entrar no Estudio Raposa, talvez amanhã do escritório o faça.
Muitos parabéns e um beijito da
Laura (sabes kem sou, não sabes?)